DO SAMBA AO FUNK DO JORJÃO Livro do pesquisador SPIRITO SANTO tem segunda edição


no DO SAMBA AO FUNK DO JORJÃO Livro do pesquisador SPIRITO SANTO tem segunda edição revista e aumentada! Resenha não Engana-se o leitor que acreditar que DO SAMBA AO FUNK DO JORJÃO — Ritmos, mitos e ledos enganos no enredo de um Samba chamado Brasil é um livro somente sobre música. É muito mais. O Spirito é outro. Descemos (ou subimos) as ladeiras da história/histórias … Continuar lendo DO SAMBA AO FUNK DO JORJÃO Livro do pesquisador SPIRITO SANTO tem segunda edição

O BECO – Roteiro de cinema


ATENÇÃO: Todo o conteúdo deste blog está assegurado sob uma licença Criative Commons. O BECO – Roteiro de cinema Me animei. Livro publicado já nas livrarias do Brasil a enorme gaveta do eu escritor, que eu mantinha empanturrada de escritos se abriu prazeirosa. Desempoeirada cuidadosamente ela vai me revelando então coisas feitas muito antigamente, sobre as quais eu nem tinha mais lembrança. O texto a … Continuar lendo O BECO – Roteiro de cinema

EXUCHIBATA, a peça (texto integral)


Todo o conteúdo deste blog está assegurado sob uma licença Criative Commons “…Qual cisne Branco em noite de lua“ Peça Teatral de Spirito Santo /1994 Guarnição do encouraçado ‘Minas Gerais’, como a esquadra dominanda, armada para o que desse e viesse. (Leia resenha da peça neste link) Cena 01 Kizumba Exu Tranca Rua Platéia entrando. No palco, a cena inteiramente montada está “congelada”. Cena reproduz … Continuar lendo EXUCHIBATA, a peça (texto integral)

Vampirinhos de Shangrilá


Conto Anna Maria, Mariana, Maria Anna. O nome ninguém sabia direito, quanto mais o sobrenome. Morava para lá da terceira porteira das terras dos Molevade. Bem pra lá. Certeza só se tinha uma: Era pobre, porém, pura. Toda a família jurava, todos diziam. Imagina se não? Cidade de interior. São João Moreira de Shangrilá. A plaquinha na estátua dizia: ‘padre capuchinho português morto nas montanhas … Continuar lendo Vampirinhos de Shangrilá

THE ALZHEIMER DAY


Este site é protegido por uma licença Criative Commons Il Grande Dimenticare Acordei no que parecia ser uma cidadezinha do interior. Havia um sol morno fazendo brilhar a grama cor de verde-novo, chovera a pouco e era de tardezinha. Estranho… Não conseguia atinar como é que eu havia ido parar ali? Ouvia bem longe um relincho de um cavalo afoito, histérico. Um relincho incomum demais … Continuar lendo THE ALZHEIMER DAY

Ao Molho Pardo


Conto Me chamo Brasil. Sério. Justino Amaral do Amoroso Brasil, ao seu dispor. Saí de casa hoje agoniado, com aquela sanha de matar uns dois ou três. Sem brutalidade, claro, que isto, podem crer, não é comigo. Matar sim, mas sem sadismo. Matar simplesmente, como minha mãe matava as galinhas de domingo. Uma torcida rápida no pescoço e, babáu! As vezes uma boa faca, bem … Continuar lendo Ao Molho Pardo